São lágrimas, são lágrimas…

No último Pânico na TV, César Polvilho não conseguiu entregar uma simples bola de futebol para Ronaldinho Gaúcho, em um evento reunindo pessoas phamosas. Aliás, segundo reportagem da ESPN Brasil, o R11 não queria entrar em campo justamente por causa da presença dele no local.
No final da matéria, César Polvilho chorou. Eu sei, é um personagem, com um jeitão meio estranho, interpretado com maestria por Eduardo Sterblich, mas, mesmo assim, eu chorei junto. É a segunda vez que o R11 me faz chorar, depois da copa de 2006.

Moral da história:  César Polvilho 10 x 0 Ronaldinho Gorducho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s