Arquivo da tag: RedeTV!

Tá difícil, gente

Não disse nada sobre o Pânico na TV nas duas últimas semanas por falta de tempo e, quando não, por problemas relacionados à sono – na tentativa de soltar o resumo no mesmo dia, eu ficava escrevendo até as 5 da manhã. Pra quem não sabe, não assisto em tempo real, eu assisto a gravação que eu faço do programa, eu chego do serviço mais ou menos no terço final do programa no ar.
E semana passada, não bastando isso, precisei trabalhar mais do que o normal – algo que poderá se repetir nestas semanas.
Gostaria pelo menos de tentar comentar o próximo Pânico na TV devido ao marco histórico de este inaugurar as transmissões em 3D na televisão brasileira usando a TV digital.
O próximo programa será transmitido normalmente no canal SBTVD (ISDB-T) 09.1, e no 09.2, em 3D, de uma maneira compatível com os televisores 3D Ready, e usando óculos.
Quer dizer, sei lá… eu vi muito mais informações no @programapanico, via Twitter, do que no site da RedeTV!, que acho que deveria dar muitas explicações. Por exemplo, será que o Pânico seria 3D neste televisor de LED da Samsung que tem uma “tecla 3D” preparada inclusive para conteúdo normal? O chato é que a Samsung não dá nenhuma explicação à mais – o que dá a essa história de 3D ares de “caso Kikos Marinhos”. Ainda nem sei se os óculos em questão são ativos (como os do cinema Imax, que ficam piscando) ou passivos (plástico ou papel celofane nas cores vermelho e azul). Então, falta o pessoal dar maiores informações aos, sei lá, 15 televisores do Brasil que poderão receber esse programa.

Pânico na TV 11/04/10: Assim vocês me matam de vergonha de novo!

Olá, telespectouvintes, vamos à mais um resumation-tion do que rolou neste último Pânico na TV! Este resumo é especial, porquê sortei a bomba e convidei um pessoal muito especial do Twitter pra ler isso aqui junto com a gente. Antes que você comece, Emílio, eu não tenho nem curso superior completo de humanas, que dirá de Arquitetura. E vamos Nelson que é bom à Belson!

Momento Pânico: Vesgo & Silvio em “A Corrida do Touro” (2008). A dupla vai até Pamplona – não, não é aquela rua que fica a 750 metros da Jovem Pan (obrigado, Charles Henrique Google Maps), e sim, a cidade espanhola (Espanha é tudo de bão, ao contrário de um pessoal que vai aparecer já já), onde se é realizada a Corrida de San Fermín, aquela famosa em que a galera foge dos touros. Entrevistas com espanhóis à granel, e um ato supremo de coragem? Ou um ato supremo de edição de imagem?…

“Está no ar o programa que não quer ser melhor do que ninguém, só quer fazer você se divertir!…
Está no ar o PÂNICO NA TV!” – Emílio Surita não é Ronaldo Esper, mas já sai alfinetando

E começamos, como é de costume, com o uberabense! Pois é, a vida dá muitas voltas. E depois de várias matérias onde ele se sentiu no céu (em sua tacanha visão particular de quem só usa essa palavra em sentido figurado), Chrystian Pjord agora vai para o outro lado, um evento com cantores sertaneggios! Mas até que ele conseguiu se divertir, vai. Destaque pra cara dele quando ele pergunta à dupla Gino & Geno: “Vamos fazer um swing?” e eles não entendem… QUÉ isso, o Solimões é mais baixo ainda que o Christian? Ô loco! E o Milionário (da dupla com Zé Rico), rapaz, o cara tem sei lá quantos anos de carreira e só o Pânico até agora chamou ele de “Aracy de Almeida”?… Comerciales e merchãs a seguir.

Ao vivo no palco, Presidente Molusco (Ceará) canta Dilmamaravilha. Rapaz, é impressão minha ou o TSE vai ficar na cola do Pânico na TV?

Marília GabriHerpes geralmente levanta o astral depois do Chrystian Pjord, mas hoje não foi o dia dela. Hoje entrevistando Paulinho “Eu Preciiiiso” Rôla (as himself),e a “atriz” Aline Moraes Moreira (peraí, tem alguma coisa errada…).
Curiosamente, o primeiro convidado também tira GabriHerpes do sério. Um quadro bem… matsumoto, digamos assim. Ou para ser mais Tumblr, “P%$RA, PÂNICO, é assim que vocês querem competir com os Legendários?!?!”
[EDIT: Na verdade talvez eu não tenha compreendido direito a genialidad implícita neste quadro. Paulinho reclamou de sua eliminação no Big Biba Brasil, que era sumária, como todas as outras, sem uma votação real. Segundo o diretor Alan, no Twitter, o cara ficou chorando a tarde inteira…]

Vesgo & Polviglio, os irmãos gêmeos de Barney Rubble, no Rio de Janeiro em busca dele, Antôôônio Nunes! Mais uma novelinha na tela da Vênus Azul-Esverdeada, e mais entrevistas na praia. (Aliás, os caras são uns desinformados, Glória Maria voltou à mídia na última sexta, no Glóóóóbo Repórter, entrevistando o sultão de Brunei e tudo o mais.)

– Eu sou alemão! – Turista idem
– Ah tá! Então LÊ [a mão] ! – César, fazendo um trocadalho do Polvilho

E tudo corre mais ou menos como… opa, desta vez não, temos mais um Campeonato Brasileiro de Antônio Nunes, em breve na MTV americana! Alan, ex-Grazi e ex-BBB, dá uma força no sentido contrário. Um homem “croata” (segundo o Pânico na TV na copa de 2006 – eles é que não se lembraram) também aparece, e até mesmo Indiana Jones! Outro turista alemão mostra que conhece a língua portuguesa em sua intimidade… E com mais Campeonato Brasileiro de Antônio Nunes termina esta matéria. Senti um cheiro de cadáver televisivo, como em “pronto, matamos 5 minutos de programa!”…

Sabrina Sato (as herself), Dôrrabo (Marcos Chiesa) e Serjinho “Aloka” (Edu Sterblich) vão para um encontro muito especial. Ou muito ordinário: com a ex-BBB10 Morango, que sente “um carinho todo especial” por Sabrina, mais ou menos que nem seus colegas de trabalho, capisci?… Pois é, batom com batom, e sem reclamar que seu interlocutor não fez a barba, etc.! A ex-BBiB Marlenão deverá estar ligadaça no Pânico na TV na sexta, portanto…

“Porquê que toda vez que você pega no microfone, você faz assim [mexe no cabelo]?”
Morango, mostrando que conhece bem La Sato

As duas ex-BBBs se encontram. Mas não pense que vai sair de grátis o selinho sem cromossomos Y!… Para isso eles inventam um mini-Show do Milhão – ou do morango, sei lá. Aliás, o tal do selinho se revela mais difícil do que parece.

Quem Chega Primeiro ÚLTIMO CAPÍTTOLOOOO!!! Apresentação de Charles Henriquipédia. Os nossos heróis já se encontram em território nacional, e como se não bastasse, estão no Brasil! E vemos uma rápida pesquisa de rua, provavelmente feita com equipamentos reservas da TV Gazeta dos anos 80, sei lá. Além de uma retrospectiva dos capítulos anteriores, dá-lhe FF. Juju embarca de Campo Grande para Brasília, daonde phinalmente poderá chegar à Cidade Marav… digo, São Paulo. E nosso querido Impóstor sai direto de Montevidéo rumo á mesma cidade.
Juju, já em Kassab City, tem uma boa notícia: ela vai voltar de carro de reportagem da RedeTV!. A má notícia é que esse carro está com o pneu furado, e ela que vai ter de trocar… Já Impóstor chega depois e, coincidência, se encontra com um chileno que o havia ajudado anteriormente. (E, Juju, a roda não solta não, só o carro que vai desalinhar na reta!) Impostor chega ao outro carro de reportagem da Vênus Azul-Esverdeada. Este já não tem problemas, a não ser os que acometem esta cidade normalmente, como os maledettos congestionamentos nas marginais. Ambos os carros fazem trajetos alternativos por dentro da cidade e chegam à Osasco. (Ah, fala sério que tem uma placa de sinalização verde escrito RedeTV?!) Chegamos na portaria, que aparece na abertura. Alguém chegou na RedeTV! RrRrRasgando a reta e…
Pause. Rapaz, eu falo aqui o spoiler ou não? Era um resultado que muitas pessoas já estavam imaginando de antemão, mesmo que entre duas pessoas as chances fossem 50-50. O fato é que, não precisava ter tratado a parte derrotada assim, seu Charles Henrique!… E dá-lhe videoclipe, com imagens que eu espero que estejam sendo vistas na TV brasileira, latino-americana e intergaláctica pela última vez! Vai, meu filho! Option + Del!!

Amaury Dumbo no prêmio APCA. A rima é barata, mas é uma matéria classe A, só tem gente de primeira – e no meu ver, não na visão necessitada de oftalmologista de Christian Pjord!
Ó, já começamos com a alta cultura brasileira, com Antônio Nóbrega (não confundir com Carlos Alberto)! E outros culturáveis (da TV Cultura) surgem, como o presidente da emissora, Paulo Markun e Heródoto Barbeiro. E a cantora Céu surpreende o público com talentos desconhecidos, inclusive por ela mesma…… E assim vamos, com convidados de alto garbo perante a intelligentsia brasileira. Com algumas exceçães: o jovem Thiago Leifert, do Globo Esporte New Generation surge – ele ganhou o prêmio de melhor apresentador, derrotando inclusive o nosso qüérido Vovô. Mas Freddy Mercurie Prateado (aliás, com um belo pulôver nesta matéria) arrebenta na narração esportiva. Ou seria na ópera? Sei lá! E ele continua, desta vez mostrando seu talento como ator para Dan Stulbach, muito embora a “cena de terror” estava mais para Avatar. Já a cena de violência assustou até Amaury, tamanho seu realismo.
It’s rango time! E a Sopa Rala vem bem a calhargh, digamos assim, é o conceito do Tutti-Frutti estendido ao reino vegetal e mineral! E terminamos com boas doses de Ypir%ca, o que nos remete ao quadro á seguir!
[PS: O sr. Tuta, que aparece de relance na matéria, ganhou o prêmio da APCA por causa do livro “Ninguém Faz Sucesso Sozinho”. Parabéns-lhes, papai-lhes!]

Spring Break Especial: Pânico Delivery Mexicano! Enquanto estavam nas gravações em Cancún, Repórter Vesgo e Thiego Manieri, El Próódutor, foram pra balada sem ser para gravar o programa. Boleta e Nicole Bahls se mantêèéëm abstêmios. O combinado foi de que o primeiro que entornasse o balde fosse vítima de um Pânico Delivery edição especial!
E não deu outra: Vesgólito na cabeça! E se em condições normais de pressão e temperatura o cara já é um mala without alça, imagine então a 46 graus GL! A única coisa que lembra que estamos no Spring Break é uma mistura de pole dance com chafariz que faz a alegria da galerë. De resto, temos um Delivery que possivelmente seria uma das melhores edições, porquê já tivemos bêbados que não se aguentavam e saíam regurgitando, e bêbados que falavam coisa com coisa. Ah, e o Vesgo. Putz, tem que estar muito sem noção pra se jogar no chão daquele jeito em um chão de vidro no estilo do Jornal Nacional. E dá-lhe chuveiro de baixo pra cima, tem coisas que só em Cancún. A turma do Chaves, pelo visto, não sabe o que está perdendo, rerere…
Vesgo revela que aprendeu alguma coisa assistindo o UFC, e derruba Bola e Nicole só com as pernas, deitado no chão. E bámos de limussíne mexicana!

“Queria mandar um agraço pra galera… Olha, em 2010 tem muita coisa macana…”
– Vesgo, enriquecendo o vocabulário da língua portuguesa

“Copa do Mundo na Áficare!”
– Vesgo, misturando o continente ao sul da Europa com o marido da Daniella Albuquerque

O improviso de Vesgo bêbado é nota zero, ele não consegue formular uma piada sequer. Já sóbrio, ele se surpreendeu com sua performance, segundo postou no Twitter durante o programa. E Vesgo 46 graus revela seus gostos musicais, ele gosta de alguém que não toca nem na Jovem Pan AM: Wando! O que deve ter dado à Emílio Surita ideias para algumas proximas materias (o que? e com acento?)
Mais vesguices pra lá e pra cá, a galera chega no hotel e Vesgo surpreende, colocando a cabeça na privada, pra valer (bem mais que o Chicão, amigo do Rafinha Bastos, em um vídeo de antes de ele ser comediante stand-up. Tô falando, eu conheço os caras!).
Hora de MIMÍ, Vesgo! E nem assim o moleque sossega, por pouco ele não atinge Bola com um Rider Kick, do Kamen Rider (ele deve ter assistido, na Manchete). E terminou essa baghassa de Spring Break! Agora a minha mãe pode entrar no quarto!

Charles Henriquepédia cobrindo a festa de encerramento da novela Cama de Gato. Quer dizer, tentando cobrir. Charles, é bom você ir fazendo uns workshops com o Robinho, tão te driblando demais! Ele consegue conversar com poucos, como um ator que fez o papel de Nelson Gonçalves, o cantor, na minissérie JK, dos tempos em que Wagner Moura ainda não era o terror dos meliantes. Mãns nem tudo esteve perdido nesta matéria: Charles descobriu que ganha pouco, e pede aumento de salário no ar! Xyyyy… Alan, é bom vocês ficarem de olho, senão o cara vira o “homem de branco” do CQC ou algo assim.

– Corrigindo, agora a minha mãe vai ter que sair do quarto de novo. Bicésar “Adogo” (Carioca) e Serjinho “Aloka” (Edu Sterblich) DE NOVOoOoOoO no mesmo programa, desta vez na Erótika Fair, que sei lá se vão deixar eles entrarem de novo, Emílio chamou o lugar de “feira trash”. Eles levam Paulinho Rôla – é, ele, de novo, é tudo figurinha repetida nesse Pânico of the caramba – para ver se ele phinalmente cumpre o bordão que começou no Pânico do rádio: “Eu preciiiiiso de um companheiro!”
Será que ele descola um? É meio difícil, porquê o pessoal sacaneia ele, levando ele em atrações direcionadas ao público adulto e heterossexual. Rapaz, umas coisas da pesada por aí, feche os olhos e tape os ouvidos. Dou uns FFs, tipo, tem crianças lendo este blog, mas destaque para o “Pião da casa [im]própria”, que não deu certo… Rapaz, tem certeza que não foi o pessoal da equipe de cenários da RedeTV! (sede antiga) que fez aquilo?…

– Pode voltar, mãinha. Mulher Arroto entra em uma seminova fase, desta vez entrevistando pessoas famosas e fazendo o que vocês já imaginam, mostrar o seu timbre tão pouco valorizado pela música popular da atualidade.

O Famosão! Desta vez com Carlos, o maratonista. Quem me dera se o esporte no Brasil fosse assim, infelizmente tá cheio de super atleta pegando busão por aí, a ESPN Brasil que o diga…

Sabrina e Dilma Ducheff (Carioca) em mais um capítulo da novelinha das sete, “Dança, Dilma!” Trocentas entrevistas em eventos tanto do PT quanto do PSDB e uma unanimidade: tem muitos que querem, sim, que os candidatos dancem o Rebolation. Rapaz, é bom o Pânico ir rápido, porquê já já tem Copa do Mundo de futebol, depois as eleições, e numa dessas é capaz do Rebolation ficar pelo caminho, fikdik.
A matéria só e prejudicada por um erro monumental da edição, que não deixa claro que, na metade da matéria, a dupla está indo para um evento do PSDB, para o lançamento da candidatura de José Serra. E, eles ficam falando do Serra assustar, mas na matéria tem políticos muito mais assustadores: Azeredo e Mercadante, por exemplo!… Só faltou o Hélio Costa e o Bispo Gê pra completar o terror. [PS: Será que o TSE deixa essa novelinha continuar?…]

– A “parte vencedora” do Quem Chega Primeiro dá uma mini-entrevista ao vivo. E Emiliation aproveita para dizer que teremos MÁS UN reality no Pânico. Mas como a concorrência agora é maior, ele não diz o que será, só diz que é algo que aconteceu durante uma matéria que a Sabrina gravou, que é uma coisa muito difícil, embora não seja nenhuma novidade na TV.
Eu já tenho as minhas suspeitas…

– Zé Bonitinho da Xurupita e Michael Jackson da Xurupita marcam presença na platéia. Comerciais, merchãs, ações de merchandising á granel e a única coisa que me chama a atenção é saber que o Mega Senha será apresentado pela dupla Luciana Gimenez e Marcelo de Carvalho. Seu imitador, Carioca, parece que foi um dos primeiros jogadores.
E terminamos mais um Pânico na TV! Fuy, de classe econômica!…

Pânico 04×10: As vezes eles voltam

21 de março de 2010! Olá senhoras e senhores, moças e rapazes, meninos e meninas e vocês aí no canto que eu não falei ainda. Vejam agora [quase] tudo o que rolou em mais um Pânico na TV!

Momento Pãnico na TV: Çoletrâno, um quadro emblemático porque foi transferido para o Superpop em lgumas edições de
segunda-feira por causa da audiência do CQC! E com um participante emblemático: o atual BBB Dicésar, aqui ainda desconhecido e ‘montado’ com a razão social de Dimmy Kier. Ao fundo, o rap do “guaxinim”, com os ex-Pânico Carlinhos e Vinícius.

– Emílio, na abertura, tenta levar para a TV os bordões criados no rádio, como “tranquilo no mamilo”… Será que pega?

MEDDA (grafia oficial segundo a última reforma ortorrômbica) – Christian Pior no aniversário da promoter carioca Carol Sampaio, com participações especiais e ordinárias. Turn around! E o olho afiado de CP no vestuário da galera (te cuida Ronaldo Esper, se bem que esse aí está meio estremecido na RedeTV!…) Ele mostra também o novo visual rastafari de Felipe Dylon, pra quem ainda não sabia. Marcelo Serrado fica atravessado na garganta de Christian, entrando sem RG e sem falar com ele. E um encontro inesperado: Christian e Smigol, ex-Bola nas Costas do SporTV (ou ainda existe aquele programa? E era bom, inclusive!) Pior aproveita para fazer um questionário sobre target, mailing e feedback (putz, tô me sentindo na faculdade de novo, cê é um fia da mãe, seu Christian). Enfim, mais uma matéria com multicolorido o selo de calidad de Christian Pior! Próximo!

Marília Gabi Gabrih… HEIN?! Pois é, o quadro está de volta! (Será que o Datena ameaçou processar o pessoal?…)
Nesta edição, entrevistando o “Avatar” (se eles não ganharam o Oscar, o Edu Sterblich ganha!) e os BBBs Bicesar (com seu ligeigo pgoblema de pgonúncia) e Bichel (será parente do Boça?). A péssima iluminação quase que estraga tudo.
A propósito, Bicésar e Bichel continuarão a dar o ar de sua gracça no palco ao vivo, durante o programa.

Charles Henriquipédia (sozinho devido a falta de repórteres, que estão Brasil e mundo afora) cobrindo o casamento de Bruno Gagliasso. Logo de cara ele já sente o que é ser um repórter do Pânico na TV, sacanárre! Aliás, sacanarre com a Leda Nagle, dizendo que assiste ela “desde criança” nas entrevistas do Jornal Hoje… Só que pinta um mega-repeteco na área: Bruno Chateaubriand, Marcelo Serrado e Carol Sampaio aparecem de novo, como convidados do “Big Branch”! Esse mundo é pequeno, viu?… Enfim, um desfile dos conhecimentos de Charles Henriquepédia (Pigmalião 70 é de lascar!) A eterna ídola de Charles, Sabrina Sato e o deputado Fábio Faria surgem, e Sabrina tenta arremedar Charles falando sua ficha técnica completa. O encerramento da matéria é um festival de gafes, mas enfim…

Quem Chega Primeiro? Juju e Impostor, neste belíssimo videotape (os dois tão no palco, caramba!), estão perdidos na Argentina.  Impostor está à caminho de Buenos Aires no banheiro de um ônibus (eca!) – e chega lá, teria ganhado a corrida se o Pânico na TV fosse um programa da Telefé, o que não é o caso. Juju ajuda um artesão a fazer bijuterias em troca de ter passado a noite na casa dele – como hóspede, não pense besteiras! Ela tem dificuldades com a moeda, ainda está com pesos chilenos. Em Purmamarta ela se depara com imagens marcantes, como um cactus que parece “recepcionar” a equipe… e ela se vê no meio de um festival folclórico local. Impostor descobre que “El Impostor” é uma peça de teatro que está em cartaz em BsAs, conhece o estádio La Bombonera, vê de perto uma das taças conquistadas pelo Boca Juniors, e consegue se hospedar na terra das Chiquititas. E Juju consegue enfim pesos argentinos para prosseguir en su missión.

Sabrina Sato e Dilma Ducheff (Carioca) atrás da verdadeira Dilma em mais uma novelinha: phazer ela dançar o Rebolation! Eles
estão em um terreno perigoso, na frente da casa de José Dirceu, onde este comemora seu aniversário. Um dos convidados faz um migué para não beijar a Ducheff. Muitos deles não falam com a equipe, mas phelizmente alguns sabem que tem eleitores em potencial assistindo este pograma-lhes e trocam umas ideia, aí. Sabrina até tenta convencer o marqueteiro João Santana sobre a eficácia de um eventual rebolation dilmático. E falando nisso, cadê ela?
Em outro evento com a participação de Marta Suplicy, o encontro finalmente acontece. Só que Dilma dá dribles desconcertantes em
Carioca – não deixou de falar com ele, mas não dançou nada – fazendo a novelinha ainda ficar pendente.

Alfinete e Vovó rumo ao Paraguai, junto com a Gaviões da Fiel, para torcer contra o Cerro Porteño. Rapaz, que bagunça, e olha que eu conheço ônibus de excursão, de acampamento, de eventos, nenhum deles chega perto. Um ligeiro boxe se forma devido a
insistência de um GdF de usar um boné vermelho. E descobrimos que a GdF, quem diria, é uma phaculdade, porquê também tem os
seus calouros (e essa é aquela mais conhecida, imagine se fosse a Gaviões da Rua São Jorge…) Na fronteira, os ônibus param para a
receita mais querida do Brasil (feijoada? Aseilá, vocês entenderam!) Até banho o pessoal toma em uma parada de ônibus. De repente
esta matéria fica meio parecida com o “Quem Chega Primeiro”…

“Cheguei no infer-nô!” Vovó, demonstrando seu apreço pela República do Paraguai

Em Ciudad del Este (o jogo é em Asunción), a nossa dupla dinâmica sai às compras. Um paraguaio tenta tirar sarro e acaba misturando Zé Rodrix com Silvio Santos… Chegando em Asunción, eles mostram o clima tenso no estádio Defensores del Chaco. E começa o jogo – destaque para uma narração em espanhol sei lá de quem, mas pra quem reclama do Galvão Bueno ser parcial, essa é demais… Alfinete tenta encontrar o pessoal do time na volta, mas só conseguem um breve contato pela janela do ônibus com Ronaldo – e, surpresa, Roberto Carlos promete que vai falar com o pessoal no Pacaembu. Guardem essa nos arquivos, e aproveitem pra deletar aquela história do cachorro que dá uma narigada no participante do Big Biba Brasil, que já foi reprisado 3 vezes!

Vesgo, Bola e Nicole Bahls em Cancún, mostrando o Spring Break. Pois é, o carnaval brasileiro é casto e vitoriano, e eu não sabia. Ah, sim, Vesgo e Bola porquê os dois são mais fluentes em inglês do que a média – eles já cobriram o Mardi Gras em New Orleans, com um pessoal tão louco quanto esse aí. O Spring Break, bem definindo, é uma big f@$%ing party, mostrando que o phim do mundo está próximo… O pessoal cai na gandaia à nivel executivo. Um exemplo da libertinagem que acontece por lá é o body shot, onde as mulheres podem virar uma espécie de… copo! Na verdade, Vesgo também experimentou essa sensação. Nicole faz o maior sucesso na praia. E um macaco quase rouba a cena em um show de talentos, no qual sobrou até pra Angelina Jolie.

Vesgo e Bola também colocam duas gaúchas que estavam por lá (oficialm ente para visitarem Chichen Itzá) em apuros, ao puxarem um coro de “ti-ra! ti-ra!” (versão brasileira Álamo). Os pais delas nem sabiam que elas estavam no infparaíso mexicano! E dá-lhe mais bebida, parece até o final do quadro seguinte.
Enfim, o Spring Break é tipo um Woodstock, só que sem rock’n’roll e sem lama. Espero que tenham gostado porquê… tem mais!

Big Biba Brasil – Aquele lance de cenas repetidas demais, que acometeu “Xurupita’s Farm”, também começa a acometer este surreality show [da Xuxa]. Davis e Maravilha detonam as Garotas-Tarja. A Mãozinha volta, em versões diferentes, e acometendo sempre o mesmo participante (tô começando a gostar deste programa, rerere). Marlene se declara para outra participante. E Diretor Bolinha, the Master of Sacanations, apronta uma a nível profissional com uma embalagem de leite, o que desencadeia, no entanto, uma briga homérica entre Dôrabo e Davis, que encerra a discussão de forma contundente – mas a batalha está só começando. Serginho (Edu Sterblich) tem sua refeição sabotada. Na sala onde se conversa com Pedro Bilal, uma estranha interferência acomete o apresentador… E vamos para a prova do boxe, narrada pelo locutor oficial do Pânico na TV, valendo vaga no Pau-de-Sebo, que acaba tendo a formação de Serginho, Evandro e Marlene. (Desculpem se o review tá meio vago demais, não sei o nome de todos os participantes…)

– Levantando, sacodindo a poeira e dando a volta por cima, Amaury Dumbo, no aniversário de Christiana Arcangeli! Se bem que já começou mal, mostrando um “panorama indesejável” de Makelelê Prateado, mas enfim… Arcangeli, que inclusive, já apresentou programas na RedeTV!, que iam ao ar nos então desvalorizados domingos da emissora. Pootz, Evandro Santo de novo não! Chega! Já já põem ele pra apresentar o Manhã Maior!
Enquanto isso, Rico Mansur se desdobra para explicar à Freddie Mercury Prateado o que é o pólo (Polo? Ou pölo? Sei lá, algo assim). Carlinhos ex-Pânico também surge na festa – pô, eu vou ter pesadelos ainda com esses efeitos do Final Cut Pro! Ah: “Dança do Cisney da Disne”, #rilitros! E pra quem não gostou dos questionamentos de Freddie a respeito da Rede Globo, agora é ao contrário: Sérgio Marone é indagado porque ele não vai pra Record. Freddie tenta cumprir uma missão e dá de cara com um conhecido… Tem cheiro de Armação Ilimitada no ar! Temos as Lanchonetes Dumbo mostrando um novo uso para o leite, com um trocadalho jamais visto antes… A matéria termina de forma diferente do usual, mostrando a degustação de um novo produto.

O Famosão. Você sabia que o Brasil tem uma famosa lutadora de KUNG-FU? Pois é, nem eu!

– Matéria fake! Sabrina e “Mulher Selvagem” na rua, á la programa Brothers! Wap bap loola, próximo!

Mulher-Arroto entrevista lutadores de alguma dessas siglas aí, esses lances de lutas que a RedeTV! transmite. Emílio Surita cai na risada. Será que foi só ele?… (PS: A Mulher-Arroto é a Mata Hari, da equipe do Impostor, ou eu estou maluco?)

– E merchãs a granel, como as versões – até que muito boas – de um comercial da Skol, o lance do Gladiator, agora no quarto do protagonista, e por aí vai. Emílio ficou em um migué de ficar fazendo perguntas para Bicésar (Carioca), Serginho (Edu Sterblich) e Bichel (Impostor), que acabou consumindo mais os poucos minutos de programa. Isso mais la pachuêrra de dizer que o episódio do Dr. Hollywood era inédito. “A, vá!”, como diria o Bola.
E assim, inphelizmente termina o programa. Não foram exibidos os quadros Sentindo no Couro, que já está com duas edições atrasadas, e o anunciado quadro do Impostor e sua equipe invadindo a corrida de Fórmula Indy em São Paulo. Não estamos grávidos, mas estamos esperando! E este foi mais um Pânico na TVensgra!  E que venha o próximo.

Pânico na TV 03×10: Panication-chôn!

Pronto. Foi só eu falar mal del Rebolation semana passada, que o Pânico na TV abraçou a causa. Abraçou, assim, a nível dos participantes do Big Biba Brasil. Enfim, vamos ao que roluê no primeiro Pânico na TV de março!

Colação no Grau: Christian Pior [PS: a estreia dele em 2010 – matéria phraca – é o vídeo do Pânico de 2010 mais assistido do site da RedeTV!, é por isso que o Brasil não vai pra frente! Consulado do Canadá, me aguarde!], Piu Piu e Dani Bolina aprontam altos agitos em uma colação de grau. Evento ainda não sacaneado pelas trupes panicais.
Bem, vale para ver Caco AntibChristian Pior sacanear com as classes inpheriores cara-a-cara. Tá, eu falo horrores dele neste blog, mas Pior teve umas tiradas sensacionais nesta matéria.

“Só mulher quer tirar foto [comigo]! Aaai, que nojo, Emílio! Eu quero uma formatura de agronomia, que tem homem!…” Christian Pior

CP também faz uma sacanagem padrão Bolinha de qualidade com o pessoal que dança a valsa. Alô, Boleta, reze para o Christian Pior não fazer faculdade de rádio e TV e virar diretor de externas…

– Putz, o Fisk tem curso de português agora. E não é para estrangeiros, é pra galera daqui mesmo! Bem, podia ser curso de português de Portugal, eu queria tentar entender melhor essa galera, sobretudo após o caso Maitè Pro3nça e os Jerònimos [pretexto para comentários europeus detected].

– Opa! Às vezes eles voltam! E F#der a Vida está de volta (afinal, a novela ainda não acabou), e desta vez com Dilma Ducheff, homenageando o Dia Internacional da Mulher. Não tem palavrão, mas com essa interpretação, nem precisava…

O Super Sensacionalista. Um pouquinho mais bem-ajambrado desta vez. O prepheito Quissab agora aparece com sua capa de chuva amarela, entrevistando um autêntico grupo de cidadãos brasileiros. E vários phlagrantes do Brasil e do mundo. Na verdade, só faltou um pouco de assunto…

Batalha Gladiator. Agora, fora dos ringues, onde as batalhas da vida real se acontecem-se-lhes. Nossa opinião: “Dolly, guaraná Dolly, sabor brasileiro.” Próximo!

– E voltamos, depois dos comerciais, com mais uma matéria falsa: Selvagem, uma bebida com nome de novela mexicana e rótulo provavelmente assinado por Bóris Vallejo, sei lá. E uma mascote muuuuito especial… Rapaz, é o Pãnico ou é o Brothers isso aqui?!
E não consigo deixar de imaginar o Bem-Te-Vi narrando: Selvagem! Amanhã, depois da Hebe, no SBT!…” Na verdade, quem imaginou outras coisas foi Emílio, que riu á valer na volta, justamente por causa da “mascote” do Selvagem. [chamada indevidamente de Selvagina, o nome até foi mudado depois…]

Vesgo & Polvilho em Procurando Antônio Nunes, desta vez em Recife. O quadro tem alguns espasmos de quadros praianos anteriores to fill the sausage. A única novidade é que o norueguês mais procurado do Brasil parece que ele teria sido phlagrado por uma telespectadora.

– Uma atração do “Super Sensacionalista” da semana passada agora está de volta (quer dizer, SS una hueva, é atração YouTubense).  O cachorro que se enraivece quando ouve o termo “corinthiano” agora é procurado pela equipe dos que o são, Alfinete e Vovó. Após algumas buscas, eles encontram o supracitado, que curiosamente se chama Biro Biro, nome de jogador que atuou pelo escrete sãojorgino, vai entender esses canídeos. Mas não é só ele, dentre os superstars do YouTube, que vai aparecer neste programa, aguardemmm…

Sabrina em Brasília. Mas desta vez, ela não está sozília… (putz, o pior trocadilho da minha vida) Ela e Charles Henrique Wikipédia argüirão os nobres polícticos a respeito de cinema, porquê enquanto eu escrevo estas linhas, Avatar deve estar avatando uma dúzia de Óscares [EDIT: “Guerra ao Terror”, irônicamente dirigido pela ex-esposa de James Cameron, ganhou mais prêmios. Mas com o que aconteceu depois na Internet, eu sou Avatar Futebol Clube desde criancinha…]. Aliás, parece que finalmente os dois estão juntos, Charles é fã número 1 de Ms. Sato Rahal.

“É porquê a minha mente tá na minha cabeça.” Charles Henrique “Wikipédia”

Apesar da frase acima, que parece ter sido escrita pelo Zina, CH surpreende os senadores ao discorrer sobre a biographia dos mesmos. Na verdade, a dupla surpreende ao contar essas piadas que fazem com os políticos nos Kibelocos da vida na cara deles!… Parabéns pela coragem. Outra coragem do Charles perguntar ao senador Arthur Virgílio (aquele, da defesa pessoal) se ele já comeu piranha. É que ele é do Amazonas, onde isso não é incomum. Alguns senadores, como Renan Calheiros, dão um “vem comigo” (pa pa páá rí ááá) na Sabrina. Não bastando isso, Charles tenta introduzir em Brasília as expressões criadas pelo pessoal do “Vida de Garoto”…
Rapaz, matéria até que muito acima da média pra essas incursões brasilienses da Sabrina!

Quem Chega Primeiro episódio 2. Mais peripécias de Juju e Impostor na América Latina subdesenvolvida. Queria ver mesmo era o Christian Pior lá! E vamos pro próximo.

Amaury Dumbo e companhia no anaversário de Ani Hickmann, algo assim. Participações muito especiais de Fabíola Reipert, Christian Pior (como convidado, puêde?!) e Paulo César Pereio (mais habituê do CQC, mas até que eles se entenderam). Opa, seguranças na área, e onde tem segurança, tem Freddie Mercury Prateado, agora com um arsenal renovado de ataques. E mais Paula Veludo, a instrumentista de “1001” talentos! Mas gaita de foles ela não sabe… Fredie Mercury Prateado encarna a parceira não-prateada Montserrat Caballé na hora de cantar “parabéns” para Ana Hickmann. Cuidado com os ouvidos!
E na hora da gastronomia: o vinho tinto tem sei lá quantos mil anos de estrada. Conheça uma pequena variação do vinho tinto que você nunca viu e vai se surpreender!…Rapaz, matéria boa.

Mulher Arroto agora ataca de repórter. Na verdade, no quadro “O Famosão” e no “Super Sensacionalista” da semana passada, ela fez isso também, e eu não tinha notado.

O Famosão de hoje é uma famosona. Que, desta vez, não soube lidar com a fama…

Famosos Anônimos: Vesgo & Sylvio em fase rebolativa, em João Pessoa-PB (a terra de meu patrão, de novo!) Desta vez, eles vão atrás de outros astros do YouTube da atualidade: o pessoal que fez a paródia “Roubolation”. E para você, machão de carteira azul, que estiver achando a matéria sonolenta, ela tem a participação de Dani Bolina do jeito que a mecânicaiada e os peões de obra sempre quiseram, com aquelas roupas que pai nenhum deixa a filha sair pra rua.
Os humoristas que fizeram a paródia enphim são encontrados e revelam que são fanzaços do grupo Parangolé, que fez a música Rebolation original, e que eles sonham em se encontrarem com eles. Bem, só posso dizer uma coisa: Cosmo & Wanda, cês são uns incompetentes perto de Vesgo & Sylvio !!!…

– Merchã da Skol com uma novidade: o comercial é parodiado pelo elenco do programa, e o caro tele-espéc é convidado à fazer o mesmo (exceto se você se chama Ronald Rios, mas aí é outra história…)

– E chega o primeiro episódio oficial de Big Biba Brasil. Fofocas, fuzuês e fuzarcas à granel no reality show mais, hã, enfim, da TV brasileira. Algumas brigas marcam este episódio, que termina com a prova do líder e a votação no “confessionário” todo especial. Como dizem no Twitter, #euri! Sobretudo com a revelação de um truque extremamente manjado pra fazer o monitor do Pedro Bilal.

E depois disso, a zona cinzenta do Pânico, temperada com merchãs e comerciais, aquela história bem padrão RedeTV! de qualidade (eu sei porquê eu vejo isso desde 2002!) Uma modorra só quebrada no encerramento quando Emílio tenta fazer uma piada com a bebida “Selvagem” e rola de rir. Estou vendo que o merchã do Selvagem vai prosseguir phorte nas próximas edições. Sentindo no Couro não foi ao ar desta vez.
Apesar do Super Sensacionalista estar meio arrastado, e apesar das “reboladas”, posso dizer que, rrrapaz, já vi programas piores. O sol começa a brilhar nas plagas de Osasco! E semana que vem, mais Pânico na Febem, digo…

Depois da Xurupita’s Farm…

… e depois da polêmica se a invasão ao BBB seria crime inaphianssável (mas nem que eu vou ficar do lado do BBB na minha vida) ou se realmente teria sido mesmo uma invasão (dizem que o Agente Delari já era conhecido da família de Tessália e que ele tinha sido convidado pela mesma), o Pânico na TV tem mais essa.
Segundo a coluna Zapping, de Alberto Pereira Jr., o programa vai, pela primeira vez, parodiar o BBB, algo que já tinha sido feito pelo Casseta & Planeta desde quando Pânico era só um programa de rádio, e pelo Show do Tom – e faz tempo, quando a Record não era essa Pepsi toda que está aí, antes da fase dos mutantes.
Como será o BBB na visão do Pânico na TV? Pelo visto, saberemos hoje (ou semana que vem, se Alan, óóóó dirèctor, leu a coluna e não gostou, dizendo “Calem-se, calem-se, vocês me deixam looooou-cô!”).
Aliás, o dono da voz que diz essa frase, Nelson Machado, está chegando nesta segunda (ou mesmo domingo, tudo só depende do site que hospeda os vídeos) com o primeiro programa de 2010 na TV Capricórnio, e com uma ligeira participação deste que vos digita.  Já já, no post seguinte, o que rolou no segundo Pânico na TV de 2010.

Até lá, leia este post sensacional do blog Tele-Visão: Parece que as emissoras de TV seguem um manual de instruções invisível

Será que sou SÓ EU que vejo vídeos no site da RedeTV!?

O nosso télespéctador Hamilton diz que eu sou a única pessoa que ele conhece que assiste frequentemente a RedeTV!. Então, no site, deve ser mais ainda. Olha só o flagra: Um vídeo de Amaury Jr., datado de 1985, em preto e branco, que no YouTube poderia quem sabe ter no mínimo, algumas centenas de acessos (ou muito mais se tivesse um uploader conhecido, como o José M. Neto), teve, hoje, a sua SEGUNDA exibição para nós!
E, detalhe: se fosse via MofoTV, seria um original em VHS. Aí, nesse caso, é um original em U-Matic, que tem qualidade melhor (mesmo que as cores tenham se perdido). Amaury Jr., inclusive, usou os serviços da empresa Procimar para converter todo o seu arquivo de fitas U-Matic e possivelmente algumas Betacam em DVD.
Amaury Jr., com um flag desconhecido da TV Gazeta, entrevista João Dória Jr., o então governador José Maria Marin (falando sobre o avanço do hoje DEM em São Paulo), Marta Rocha, o casal Bruna Lombardi e Carlos Alberto Ricceli, Tavares de Miranda (que tinha um programa na TV Gazeta anos antes), Roberta Close, Goulart de Andrade, Walcyr Carrasco e Terezinha Sodré. Se alguém mais além de mim tem curiosidad, o link é esse aqui.  Na época, o programa se chamava Flash e tinha uma abertura até que bastante caprichada para os padrões da época. Talvez o máximo de sofisticação que havia era o insert – e um a cada 5 minutos. E nem sempre bem escolhido!… Mas, taí.
E detalhe, estamos falando de Amaury Jr, que faz um programa classe AAA Machado de Carvalho platinum plus, não de outros tipos de programas que passam na mesma emissora horas antes……

Opa, não são só 4 programas… Show da Insônia

Depois de ser a principal atração do natal da RedeTV!, através de um TV Fama especial, o Pânico na TV vai animar o seu “show da virada”…  Segundo inphorma-nos Alberto Pereira Jr., da coluna Zapping, em 1º de janeiro de 2010, a partir da 1h da manhã, a RedeTV! vai levar ao ar 4 horas só de Pânico na TV.

Quer dizer, é praticamente um quinto programa da retrospectiva do ano, mas fora do horário e por pura iniciativa dos espósos de Daniella e Luciana. E com uma pequena vantagem em relação aos programas de verdade aos domingos: sem comerciais.
Ou isso, ou ninguém quis anunciar na emissora nesse dia e horário e os Hiper QY’s e programas que tais estavam todos de férias, mas, tudo bem!… Por enquanto, melhor pra nós. Em 2010 tem aquela história de que vão estrear 10 novos programas, e que alguns programas independentes poderão cair phora. Será?…
Uma coisa é certa. Em cada oportunidade que tem, Marcelo de Carvalho ensaia como seria ser apresentador de televisión. Foi mais ou menos o que ele phez, sendo o Papai Noel da festa natalina da emissora, que, desta vez, recebeu os funcionários e os philhos, no estúdio G – que é  impressão minha ou continua igual ao dia  da inauguração? Parece que não fizeram ainda nada lá dentro!

Bem, se você não pretende assistir televisão ou sequer estar acordado nessa hora, dia 01/01/10, hRrRreveja quaisquer quadros que quiser, através do Vírgula – dica do próprio programa, via Twitter. Só que alguns quadros estão, marotamente, engavetados, e em qualidade inferior aos que estão no site da RedeTV!. Mãns, de resto, estão todos – por exemplo, o primeiro episódio da segunda fase da Amy Winehouse, onde ela vai fazer exame no Detran. Meses depois chegam os “rivais” da Amy, desde megastars como Paris Hilton, até sub-sub-subcelébretes, como Repórter Vesgo e Zina, antes que soubessem o nome dele. Falando nele, foi nesta matéria que “Ronaldo!” virou vinheta do programa.
Bem², talvez me peçam pra eu HrRrésumir esse programaaaaaaço aí. E olha. Dia 01/01, 1 da manhã às 4… é mais provável o Joe Madureira fazer fan art dos meus personagens, porquê as galinhas já estão indo ao dentista faz um tempão.